EM Jogo 30ª rodada, Internacinal recebeu o Fortaleza no Beira-Rio Foto: Fernando Alves/AGIF

Atlético-MG segue de olho na liderança do Brasileirão Assaí. No Mineirão, o Galo recebeu o Atlético-GO neste domingo (17) e venceu por 3 a 1, em jogo da 30ª rodada da competição. O resultado construído por Hyoran, Júnior Alonso e Jair deixa os mineiros com 53 pontos, provisoriamente na segunda posição e a quatro pontos do líder. O Dragão, que descontou com Janderson, está em 12º, com 36. Veja os detalhes:

O jogo

Publicidade

O primeiro tempo foi quase todo do Atlético-MG. Nos primeiros dez minutos, o Galo já havia chegado com perigo em finalizações de Vargas e Savarino – este último também ameaçou aos 11, mas parou em boa defesa de Jean. No entanto, quem conseguiu marcar para o time da casa foi Hyoran. Com muito estilo, o meio-campista aproveitou corte da zaga, matou no peito e soltou pancada no ângulo para abrir o placar aos 13. Logo depois, ele rematou rente à trave e por pouco não fez o segundo. Eduardo Vargas teve mais duas boas chances aos 22 e aos 33, mas Júnior Alonso foi quem marcou. Em cobrança de falta aos 41, o zagueiro subiu e testou para a rede.

Na segunda etapa, o panorama foi um pouco diferente. O Galo começou ameaçando em chute de três dedos de Allan, aos sete minutos. Porém, o Atlético-GO também foi ao ataque: aos 11, Zé Roberto bateu sem ângulo, mas obrigou Everson a fazer a defesa. Apesar disso, o Atlético-MG chegou ao terceiro gol, novamente na bola parada: Guilherme Arana cobrou escanteio e Jair testou para a rede, aos 16.

Depois do terceiro gol, o Dragão melhorou na partida e teve boas chances. A primeira foi de Marlon Freitas, que aproveitou sobra em cobrança de falta e mandou por cima da meta, desperdiçando chance incrível. Na sequência, os goianos descontaram. Em jogada pela esquerda aos 29, Wellington Rato cruzou e Janderson completou para a rede. Danilo Gomes finalizou rente à trave aos 33 e por pouco não colocou fogo no jogo. Na reta final, o Galo voltou ao ataque, em cabeceio de Júnior Alonso defendido por Jean. Porém, o placar ficou mesmo em 3 a 1.

DEIXAR UM COMENTÁRIO

Política de moderação de comentários: A legislação brasileira prevê a possibilidade de se responsabilizar o blogueiro ou o jornalista responsável por blogs e/ou sites e portais de notícias, inclusive quanto a comentários. Portanto, o jornalista responsável por este Portal de Notícias reserva a si o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal e/ou familiar a qualquer pessoa. Comentários sobre assuntos que não são tratados aqui também poderão ser suprimidos, bem como comentários com links. Este é um espaço público e coletivo e merece ser mantido limpo para o bem-estar de todos nós.